Pombal – Para Chefe do Estado Maior General das Forças Armadas

Governo quer pombalense Silva Ribeiro a comandar Forças Armadas


Pombal 97 fm / Promoção – O Governo vai apresentar, ao Presidente da República, uma proposta visando a nomeação do actual Chefe do Estado-Maior da Armada, o pombalense Almirante António Silva Ribeiro, como Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA).
A concretizar-se a nomeação, Sousa Ribeiro substituirá Pina Monteiro, que exerce o cargo de CEMGFA desde 7 de Fevereiro de 2014, terminando o mandato em 1 de Março, dia em que completa 66 anos e “passará à reforma, por força do estabelecido no Estatuto dos Militares das Forças Armadas”.
Para suceder a António Silva Ribeiro na chefia da Marinha, o Governo vai propor, a Marcelo Rebelo de Sousa, o vice-almirante Mendes Calado. A nomeação de Silva Ribeiro para Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas foi uma deliberação tomada durante o Conselho de Ministros de quinta-feira e anunciada pela ministra da Presidência, Maria Manuel Leitão Marques.
O Almirante António Silva Ribeiro nasceu em Pombal no dia 14 de Outubro de 1957. Ingressou no Curso de Marinha da Escola Naval em 1974, tendo obtido a licenciatura em Ciências Militares-Navais. Foi promovido ao posto de guarda-marinha em Outubro de 1978 e especializou-se em Hidrografia.
Possui o Doutoramento em Ciência Política e o Mestrado em Estratégia e, ainda, o Curso Geral Naval de Guerra, o Curso Complementar Naval de Guerra e o Curso de Promoção a Oficial General.
Além da carreira militar, António Silva Ribeiro é, também, docente universitário como “catedrático convidado do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas e professor militar da Escola Naval”. (com Agência Lusa)


(Texto escrito com a antiga grafia)

 

97FM - Pombal Vértice Luminoso