Leiria – Recuperada uma referência na região Centro

Orfeão de Leiria reactiva Orquestra Sinfónica sob a direcção do maestro Nuno Almeida


Pombal 97 fm / Cultura – A recente reactivação da Orquestra Sinfónica de Leiria recupera, também, uma marca emblemática do Orfeão de Leiria, que pretende ser uma referência para a cidade e para a região centro
O Orfeão de Leiria / Conservatório de Artes (OLCA) acaba de reactivar a referida orquestra, revelando que tal reactivação “é algo que ambicionávamos há algum tempo por reconhecermos a importância que um grupo destes tem para uma cidade como Leiria, onde cada vez mais proliferam os eventos culturais bastante diversificados”.
Acácio Sousa, presidente do OLCA, considera que “a Orquestra Sinfónica será como uma montra do trabalho que desenvolvemos com os nossos alunos, mas terá também o objectivo de atrair músicos que desenvolvam o seu percurso fora de Leiria, apostando na elevada qualidade dos repertórios e na realização de performances continuadas”, entendendo que “uma Orquestra Sinfónica na cidade constitui um importante argumento cultural e é mais um importante passo neste caminho que temos de percorrer para ver Leiria Capital Europeia da Cultura 2027”.
A Orquestra Sinfónica foi criada em Abril de 2008, sob a direcção do maestro Alberto Roque, ostentando o nome da sua cidade, Leiria, a exemplo de congéneres de escolas e universidades inglesas e americanas. Este grupo é constituído pelos alunos mais qualificados, pelos professores instrumentistas da Escola de Música do Orfeão de Leiria e ainda por outros músicos convidados.
A sua estreia absoluta aconteceu no dia 4 de Abril de 2008,na Igreja do Convento da Portela (Leiria), local que vai agora acolher o concerto “Um Natal Português”, que marca o regresso da orquestra e terá lugar esta sexta-feira, dia 1 de Dezembro, agora sob a orientação do maestro Nuno Almeida, “num espectáculo inédito na região, que juntará em palco mais de uma centena de músicos e coralistas”.
Este maestro considera que “será, sem dúvida, um concerto marcante, com a particularidade de ser também um espectáculo 100% português, desde os compositores aos músicos e coralistas” e recorda que “este concerto nunca foi apresentado na íntegra na região centro/sul do País”.  
O espectáculo contará com 45 instrumentistas da Orquestra Sinfónica, com um ensemble de flautas de bisel e com os elementos do Coro do Orfeão de Leiria e do Coro de Câmara do Orfeão de Leiria que, durante o concerto, protagonizarão diálogos entre si.  


(Texto escrito com a antiga grafia)

 

97FM - Pombal Vértice Luminoso