Futebol - União de Leiria

O treinador de futebol Lito Vidigal exige uma indemnização à União de Leiria, por um «despedimento feito na comunicação social», e acusa o presidente da SAD leiriense, João Bartolomeu, de mentir sobre os ordenados em atraso e outras alegadas dívidas.


Em comunicado, os representantes legais de Vidigal acusam a União de Leiria de violar, «deliberadamente, o dever de proporcionar ao trabalhador a ocupação efectiva na sua função de treinador principal». Em causa está o facto de Lito Vidigal ter sido impedido de treinar e, ainda, de aceder ao autocarro que transportava a equipa para os locais de estágio.

 

97FM - Pombal Vértice Luminoso