Pólo de Saúde do Louriçal já foi inaugurado

Escrito por em 2021-05-01

Estrutura começa a receber utentes esta segunda-feira

Foram inauguradas, na sexta-feira, as novas instalações do pólo do Louriçal da Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Vale do Arunca, numa cerimónia presidida pelo secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales.

A nova estrutura resulta da adaptação das antigas instalações do Jardim de Infância do Louriçal, de forma a respeitar os espaços e as áreas exigidas no programa funcional fornecido pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, e representa um investimento de 630 mil euros por parte do Município de Pombal. A remodelação incluiu a criação de sala de atendimento ao público, sala de enfermagem, gabinetes médicos, zonas administrativas, zonas de apoio e zonas de espera e atendimento personalizados. Quanto ao mobiliário, equipamento médico e informático, colocado nas novas instalações, foi adquirido no âmbito de uma candidatura ao Programa Operacional Centro 2020, numa cooperação entre o Município de Pombal e a ARS do Centro, de acordo com as orientações da Administração Central do Sistema de Saúde. Teve um custo total a rondar os 126 mil euros, com a ARS do Centro a suportar a contrapartida financeira nacional do investimento, correspondente a 15% do investimento elegível e à despesa inelegível.

O dia foi de festa para o Louriçal, mas uma festa bastante comedida devido à situação pandémica que atravessamos. Isso mesmo foi referido pelos vários intervenientes nos discursos proferidos. Desde logo, pelo autarca de freguesia, José Manuel Marques, que lamentou essa circunstância até porque recordou a luta da população para que o pólo de saúde não fosse encerrado. O presidente de junta disse estar convencido de que, com esta obra, “ficam reunidas as condições para que o futuro da Saúde nesta freguesia esteja assegurado”, mas lembrou o secretário de Estado de que é “preciso preencher este vazio de falta de profissionais de saúde que há cerca de uma década tem fragilizado o funcionamento do pólo”. José Manuel Marques referiu que o edifício e os equipamentos são modernos, mas “não ficarão valorizados se os meios humanos não forem reforçados”.

Além de ter tecido bastantes elogios a António Lacerda Sales, o edil pombalense Diogo Mateus fez questão de lembrar o trabalho que foi feito pela autarquia que dirige para que a obra agora inaugurada fosse uma realidade. “Disponibilizar um espaço, fazer um projecto, receber os respectivos pareceres, lançar uma empreitada e executar uma empreitada, não foi suficiente para que conseguíssemos abrir um concurso comunitário para poder financiar esta obra”, afirmou, realçando que a câmara teve que aprovar a suspensão da obra, em Dezembro de 2020, para que a mesma não fosse concluída antes da abertura do aviso do financiamento comunitário que haveria de a financiar, sob pena do Município não receber verba nenhuma.

António Lacerda Sales era um homem feliz porque “não há maior satisfação para um governante do que ver a pró-actividade e a mobilização da sociedade civil na procura para fazer avançar o seu país e a sua região”. O governante disse que as novas instalações do Louriçal contribuem para o reforço da rede de infraestruturas de saúde, nomeadamente da rede de cuidados de saúde primários, e que o pólo inaugurado, com as condições disponibilizadas, vai motivar e atrair os profissionais de saúde para que ali possam ganhar estabilidade. O secretário de Estado afirmou ainda que, este último ano, ensinou-nos que “todos precisamos de todos” e prova que “o Sistema Nacional de Saúde está vivo, capacitado e com energia para prestar os cuidados de saúde necessários”. A finalizar, disse que o resultado do combate à pandemia “seria muito diferente se governo e autarquias não tivessem colaborado intensivamente”.

Marcado como

Emissão FM

97fm Rádio Clube de Pombal

Faixa Atual

Título

Artista

            A rádio que lhe diz mais!

Background