Projecto do Jardim da Várzea, em Pombal, aprovado com alterações

Escrito por em 2021-04-13

Sem calçada e canteiros elevados e com mais árvores e área verde ampliada

A Câmara Municipal de Pombal aprovou na sua última reunião o projecto de reabilitação do Jardim da
Várzea, integrada na operação de Requalificação Urbana da Várzea, num investimento global superior
a 1,7 milhões de euros. A intervenção nesta zona da cidade, que a autarquia considera “bastante estruturante, mas desqualificada”, já se iniciou e abrange uma área total de 22.430m2.

Numa nota de imprensa, o Município de Pombal afirma que “a proposta de requalificação do Jardim da Várzea, agora aprovado por maioria pelo Executivo Municipal, resulta de um período de auscultação pública para recolha de contributos por parte dos cidadãos, tendo sido apresentadas diversas propostas de melhoria para a referida obra, que foram devidamente analisadas”. Entre as alterações à proposta inicial, a autarquia revela que “será removida a matriz proposta em calçada miúda branca e preta, por pavimento drenante em saibro estabilizado não desagregável, com uma leitura semelhante ao existente actualmente, e perfeitamente pedonal”. Outras das grandes alterações é a eliminação dos quatro canteiros florais propostos em altura, sendo substituído por quatro canteiros ao nível do solo, com uma área verde muito mais ampla do que a inicial. “Nestes mesmos canteiros serão colocados bancos com costas estrategicamente instalados de forma a tirar partido das sombras existentes”, refere a nota.

O Município de Pombal diz ainda que “a área verde do jardim será substancialmente maior, havendo ainda um incremento de 12 novas árvores face ao existente, promovendo assim uma maior zona de sombras”. Já a zona central, onde se encontra a fonte da Várzea, “vai manter a solução inicial, marcada por um pedestal acessível em pedra calcária, em detrimento do actual piso em cimento, enriquecido com uma iluminação cénica que dará um brilho maior ao espaço”.

A autarquia esclarece que o novo projecto visa uma integração equilibrada do ponto de vista urbanístico, mantendo uma relação de continuidade com o existente, mas com a área verde bem mais ampliada. “Comparativamente com a
proposta inicial, esta nova proposta mantém os percursos pedonais exteriores ao jardim na sua configuração e materiais a aplicar”, lê-se na nota de imprensa, onde também se acrescenta que a empreitada na zona da Várzea “surge como uma clara aposta na refuncionalização daquela zona central da cidade, pilar estratégico para a promoção e dinamização cultural, criando também, desta forma, condições para desfrutar melhor o espaço público, fomentando a mobilidade sustentável e potenciando Pombal como uma cidade mais atractiva e inclusiva”.

IMAGEM: Município de Pombal


Emissão FM

97fm Rádio Clube de Pombal

Faixa Atual

Título

Artista

            A rádio que lhe diz mais!

Background